CREA-PA lança aplicativo de fiscalização

Acessos: 316

Um novo aplicativo desenvolvido pela Gerência de Tecnologia da Informação (GTI) do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Pará (CREA-PA), vai tornar mais fácil a atuação de agentes fiscais além de contribuir para a redução de ocorrência de fraudes. O FisCREA permite ao agente realizar toda a relação de autonomia da fiscalização, ou seja, ele pode fazer um auto de infração na mesma hora e que será transmitido em tempo real. 

FisCREA02

“O FisCREA é um aplicativo que nós desenvolvemos para atender uma demanda da fiscalização que vai dar mais mobilidade ao fiscal e mais ação para que ele possa exercer o seu papel agregando isso a uma função tecnológica”,  disse o gerente de tecnologia da informação, Ray Fran Pires. O gerente ressalta que todos os fiscais do Conselho vão dispor de um tablet com o aplicativo e que todos os tablets são equipados com chip de internet, com uma cobertura de 4G em grande escala no Pará. 

Na avaliação do eng. civil Janilton Ugulino, primeiro vice-presidente do CREA-PA, o aplicativo possui um alto nível de praticidade. "Hoje o fiscal não precisa mais voltar para a sede ou inspetoria para desenvolver os dados que foram coletados na rua”, explica. Para Kleber Souza, gerente de fiscalização do CREA-PA, o aplicativo “vai poder orientar da melhor forma possível tanto o profissional quanto a pessoa que está sendo fiscalizada”, e afirmou que o objetivo é facilitar as ações de fiscalização de forma imediata.

O FisCREA é um aplicativo de fiscalização voltado à fiscalização dos sistemas CONFEA/CREA que dá ao fiscal, hoje, inovação e tecnologia para desenvolver o seu trabalho. Através de um tablet o agente fiscal poderá proceder à lavratura do auto e também enviar o documento para apreciação e julgamento da câmara especializada relativa à modalidade da obra ou serviço irregular. O CREA-PA é o primeiro Conselho da região norte com esse aparato tecnológico. 

FisCREA01

 

FisCREA03

 

FisCREA05

 

FisCREA08

FisCREA06