Vem novidade por aí! Conheça alguns dos projetos que estão em andamento no CREA-PA

Acessos: 453

O CREA-PA busca, cada vez mais, estar próximo dos profissionais. Para isso, trabalha incansavelmente na criação de novas plataformas e implementação de ideias que visem facilitar as ações do dia-a-dia. Nesta quarta-feira, 13 de novembro, a Gerência de Tecnologia da Informação do CREA-PA apresentou diversas ações futuras neste sentido. Com o apoio e a presença do Presidente do Conselho, Eng. Civil Renato Milhomem, a apresentação foi feita pelo Gerente de TI, Ray Fran Pires.

A atividade fim do Conselho, a fiscalização, deve ganhar em efetividade, através do aplicativo FisCrea. Nele, o agente fiscal terá acesso a informações oficiais de diversos órgãos em parceria, fazendo com que seja mais fácil identificar obras e serviços, além de poder detalhar mais as ações.

Registrar Anotação de Responsabilidade Técnica também será mais fácil, através da aba “ART na palma da mão”, que será criada no Aplicativo do CREA-PA. O preenchimento será intuitivo e simplificado. Além disso, qualquer dúvida poderá ser esclarecida pela Minerva, a inteligência artificial que, se precisar, até preencherá todos os campos e ainda imprimirá o boleto.

O boleto, inclusive, que antes demorava quase 24 horas para ser compensado, deve ter esse tempo reduzido, através de uma parceria com o Banco do Brasil em um projeto piloto nacional, o “compensação 30 minutos”.

70278138_1227402494110151_9156133580806553600_n.jpg

A parceira com o Banco do Brasil deve ir ainda mais além, com o Banco sendo responsável pela cobrança direta ao profissional inadimplente, através uma ferramenta chamada “Lista de Débitos”. Uma das novidades, nesse caso, é que o profissional terá a possibilidade de pagar seus débitos, incluindo anuidades, através de pontos acumulados no cartão de crédito.

As ações também se estendem a inovações internas, como um plano mais eficaz de manutenção de tecnologia da informação, visando a implementação da Lei Geral de Proteção de Dados, que entra em vigor a partir de 2019, com o CREA-PA sendo um dos pioneiros na elaboração de estudo técnico para viabilização da mesma. Os funcionários também passarão a ter uma identidade funcional com chip integrado.

- Muito ainda está por vir. Essa é apenas uma pequena parte do plano de ação que temos para tornar o CREA-PA cada vez mais efetivo, protegendo a sociedade através de sua atividade fim, que é a fiscalização, e premiando os profissionais que procuram trabalhar de forma correta. O Conselho está aqui para agregar positivamente, ser parceiro de quem quer fazer do Pará uma referência nas áreas de engenharia, agronomia e geociências – ressaltou o Presidente, Eng. Civil Renato Milhomem.

75521663_1227402597443474_7142716812965183488_n.jpg